Fuzz Face Fácil

Este post é mais uma dica para os navegantes do que um artigo “como fazer”. O fuzz face é um dos efeitos clássicos mais procurados em todo o mundo. Sabemos que é um efeito muito caro e com um circuito extremamente simples. São cerca de 7 componentes. Mas por que é tão difícil montar um?
Hoje em dia é difícil achar transístores nas lojas para fazer este efeito. O modelo clássico levava transístores de germanio que já não existem nos nossos dias. Até fabricam, mas são empregadas novas tecnologias na produção que faz com que tenham ganhos elevados e não tenham a mesma sonoridade do clássico pedal. Existem clones muito bem feitos com transístores de silício adaptados que dão uma sonoridade super legal.
Além disso, a teoria do casamento dos transístores é um pouco complicada e envolve achar um par “perfeito”. Já vi vários fuzzes com trimpots para forçar o “casório” que também são uma opção interessante.
Existem clones muito bem feitos com transístores de silício adaptados e que dão uma sonoridade super legal que vai do suave ao “big muff”.
Mas para quem quer montar algo com uma sonoridade antiga sem esquentar a cabeça, vou colocar aqui uma dica. Comprei NESTE site um par casado de transístores de germanio antigos. O lado negativo é que a loja raspa os bonitinhos e não sabemos bem qual é o modelo. Eles garantem que são antigos, e me parecem ser mesmo. Tanto pelo som, como pelo ganho. O lado positivo é que além dos transístores, o site manda um papelzinho junto com os valores dos resistores que você deve usar para montar o Fuzz Face. É só soldar tudo com muito cuidado na placa e desfrutar de um belíssimo fuzz. Para quem gosta de um som hendrix, não poderia ser melhor.

Fiz uma montagem simples, com potenciômetros Alpha e uns knobs de resina bem estilosos. A placa é de fibra de vidro e levou um verniz no final para o cobre não oxidar. Como no fuzz original, o aterramento é positivo. Fiz como manda o figurino e decidi não colocar uma alimentação externa. Uma bateria de 9v dura muito tempo, e quando ela começa o seu longo declínio de carga, o fuzz fica ainda mais doce. Existem fontes para pedais com “sag” para simular uma bateria com pouca carga para pedais como este. Para quem tem interesse em adquirir um parzinho, o custo fica em  $11.00 + uns $5.00 de frete. Tudo vai dar aí uns 25/30 reais. Vem bem embaladinho em um envelope e chega como uma carta normal.
Sample:


Anúncios

O seu comentário aqui

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s