TC Electronic – Hall of Fame Mini Reverb

img-20161212-wa0011

Quem acompanha o blog sabe o quanto gosto dos produtos da TC Electronic e o quanto a marca representa inovação tecnológica em pedais de guitarra sem perder a essência que todo guitarrista procura. Tive muitos amplificadores com Reverb de mola e posso dizer que gosto muito, mas por questões de tamanho, peso agregado e recorrentes problemas com os tanques, decidi ter apenas amplificadores sem Reverb e utilizar um pedal na entrada ou no loop de efeitos do amplificador. Como todo consumidor, fiz uma busca bem grande visando o equilíbrio entre preço e qualidade.

Foi então que mais uma vez me deparei com os produtos da TC Electronic. O pedal de tamanho “normal” Hall Of Fame (HOF) já é um grande sucesso e tem infinitas possibilidades. Mas como eu dizia anteriormente, eu queria praticidade, tamanho reduzido e pouco peso agregado ao equipamento. Foi então que escolhi este pequeno grande pedal que é capaz de fazer maravilhas com o seu som. Da série “Tone Print”, pode-se customizar de inúmeras maneiras ao ligar em um computador, ou então através do celular descarregar presets disponibilizados pela marca onde você estiver. Lembrando que as definições customizadas apenas podem ser inseridas no pedal por USB. A TC ainda não liberou salvar no aplicativo do celular os seus próprios ajustes para posteriormente introduzir no pedal. Ainda assim a versatilidade é enorme. Procurava um Reverb com a simplicidade de um de molas. Sim, apenas um botão, como no painel de qualquer amplificador de guitarra normal. Para mim a falta de mais opções físicas no painel não são dor de cabeça, já que ajusto em casa com calma exatamente como quero o Reverb e normalmente utilizo apenas esta definição que vou controlando no botão do pedal o nível de efeito.

editorO painel de edição é simples e recheado de opções. Pode-se até atribuir outras funções aos botões físicos no pedal. No caso deste mini pedal, existe apenas um que mesmo solitário é possível alterar o seu funcionamento. Sobre o Tone Print, já falei anteriormente no post do pedal Viscous Vibe aqui no blog.

Construído em uma caixa estilo Hammond 1590A a marca se posiciona juntamente com outras como a Mooer na invasão dos mini pedais no mercado. Com um circuito extremamente compacto feito com componentes SMD e totalmente digital, é claro que um pedal de Reverb tão pequeno não poderia ser construído de outra maneira.

img-20161212-wa0034

O pedal é composto por duas placas que se encaixam através de pinos. Não existe nenhum fio na construção. O potenciômetro além de excelente qualidade, é protegido contra a entrada de pó e umidade.

img-20161212-wa0030Como em quase todos os pedais da TC o Bypass é feito através de um relé de grande qualidade das marcas Omron ou Takamisawa, que garante o True Bypass e um chaveamento extremamente silencioso e muito mais durável que uma chave 3PDT tradicional. Em modelos mais simples como este a marca não inseriu a opção de Bypass com buffer, provavelmente por falta de espaço e também pelo nicho de mercado que a mesma procura atingir.

img-20161212-wa0029

E para fechar o pacote alegria é claro, Jacks Neutrik.

É incrível como conseguiram em uma caixa tão pequena colocar tantas funções sem esquecer dos componentes de alta qualidade.

Sim, é um pedal totalmente digital. A única coisa realmente analógica é o chaveamento físico do sinal através de um relé. Isso não significa que o som seja robótico ou pior. Vai da necessidade de cada um. Para mim o Reverb é sim diferente das molas, e por ser digital permite uma grande customização e controle, algo que as molas não proporcionam.

Um pedal pequeno, com um preço muito aceitável para o efeito que entrega e que se encaixa em qualquer estilo musical. Recomendo para todos os guitarristas, com as mais diferentes necessidades musicais.

Para não perder o costume, este que vos escreve sempre faz um humilde vídeo do funcionamento das “coisas”. Desta feita não poderia ser diferente. Um pequeno teste com o pedal ligado no Loop de efeitos do amplificador. A guitarra escolhida foi a minha companheira de guerra, uma Stratocaster Golden que também tem a sua história contada por aqui.

 

 

Anúncios