MXR GT-OD

pedalcapa

 

Desta vez mais um pedal para o blog, mas com uma pegada diferente. Faz um bom tempo que não trago vídeos, e desejo que seja cada vez mais frequente aqui.

Para a criação deste novo artigo contei com a gentileza da loja Drumshop situada em Curitiba, que nos cedeu gentilmente o espaço e os equipamentos para o review.

fotoloja

 

Foi uma das primeiras lojas que entrei desde que comecei a tocar. É hoje uma das lojas mais completas na cidade e conta com um espaço reservado só para as guitarras, onde podemos testar com calma e no volume desejado. smile

 

DCIM100GOPRO pedais

 

O pedal escolhido é o que chamo de um TubeScreamer melhorado produzido pela MXR. Construído em alumínio injetado, segue o padrão de qualidade de todos os pedais da marca com bypass mecânico e componentes de qualidade. Não abri o pedal na loja, mas em uma rápida pesquisa na internet encontrei o seu “miolo” que segue sempre a mesma linha de produção:

pedalin

 

Como podemos ver, a placa é em fibra de vidro, o que confere durabilidade e resistência ao circuito. Ao contrário dos overdrives tradicionais, este foi construído todo em SMD que ocupa menos espaço. O circuito é simples e provavelmente a marca optou por este tipo de construção para agilizar a produção, uma vez que as máquinas CNC estão cada vez mais adaptadas para a microeletrônica do que para componentes convencionais. Outro motivo plausível é a tentativa de diminuir os clones, muito fáceis de serem feitos em pedais da marca como o antigo Distortion+.

Os potenciômetros são de boa qualidade assim como os presentes nos pedais da BOSS. Dificilmente um potenciômetro assim sofre com umidade ou sujeira, e a sua vida útil está sempre relacionada diretamente ao desgaste mecânico.

Na foto existe uma pequena chave na placa no canto superior esquerdo. Assim como marcas de computadores e outros eletrônicos, a MXR entrou na onda de utilizar a mesma “placa-mãe” para mais de um pedal. Segundo relatos na internet, pude apurar que esta chave muda o pedal para o modo ZW-44 que é outro overdrive da marca modelo Zakk Wylde. São pedais com circuitos muito próximos. A Ibanez lançou uma série de Ts em sua história com pequenas modificações no circuito. A MXR parece querer fazer o mesmo, mas lançando como pedais diferentes, com cores distintas e assim alcançando um público muito maior. Não restringe aos amantes dos sons mais calmos, ele também pode receber uma roupagem para os amantes do metal como um rico boost. Mais informações sobre estas semelhanças AQUI.

Sobre a construção não tenho muito a falar. Gosto do padrão que a MXR criou e compraria qualquer pedal deles sem me preocupar com isso. Tanto os pedais convencionais como os Wah-Wah. O único pedal até hoje que vi dar problemas foi um Distortion+ com o DPDT estragado após 20 anos de uso.

Para o teste utilizei duas guitarras. Uma Strato Fender Americana Standard com captação Custom Shop. Corpo em Ash e braço e escala em Maple.

A outra escolhida foi uma bonita Epiphone Les Paul Custom com captação em Alnico e um acabamento em Alpine White. A guitarra me surpreendeu muito pelo conforto do braço e som aveludado.

DCIM100GOPRO

 

Como já estou acostumado e gosto da pureza do som, escolhi um Blues Junior III para os testes. Procurei não alterar muitas coisas no amplificador e o painel acabou ficando assim, tudo pelo meio:

painel amp

 

 

Conclusão:

O que mais gostei no pedal foi a granulação do som. Ele tem o veludo de um TubeScreamer sem ser tão embolado o som. Isso permite ajustes muito mais fáceis com o ganho mais alto, algo difícil de se fazer com os Ts que no máximo já fica muito embolado. Além de ser um pedal Blues/Rock, pode ser usado sem medo para empurrar amplificadores mais gananciosos e com muita distorção. Com single é um clássico. Com humbuckers gostei deste pedal justamente pelo que falei no início. Ele casou bem com humbucker também. Tenho um Ts-9 em casa e sei bem as suas virtudes e limitações. Para quem quer um pedal nesta linha e não se decidiu ainda, vale testar este pequenino da MXR. Além de mais barato, possui uma grande qualidade de construção e traz uma versatilidade boa para quem toca mais de um estilo.

Anúncios