AB BOX

Dias atrás em um grupo de guitarristas amigos conversávamos sobre pedais para chavear sinal. Foram poucas as vezes que fiz pedais do tipo, mas são os mais simples e baratos de montar. Definitivamente os prontos que encontramos no mercado não valem o que pesam pois custam o mesmo que um pedal com circuito, mas por dentro é só fios.

Foi depois desse saudável papo que decidi montar um AB BOX para testes. O tempo anda muito curto, mas por ser um projeto tão simples consegui fazer em uma hora.

Antes de entrar em detalhes, uma explicação geral sobre este tipo de pedal.

São pedais muito úteis e customizáveis para cada necessidade em particular. Com estes pedais pode-se utilizar a mesma guitarra em dois amplificadores sem a necessidade de trocar de cabo toda hora. Com uma pisada na caixa você seleciona um, ou outro. Sim, dá para mandar o mesmo sinal para os dois, mas aí entra um circuito de splitter de sinal para esta função.

O caminho inverso também é possível, ter duas guitarras com o respectivo cabo plugado, e com um pisão escolher uma ou outra para o sinal ir para o amplificador. Existem pedais deste tipo também desenhados para quem por algum motivo quer um TrueBypass sem modificar o pedal original. Existem até boards para Wah Wah com esta função:

No meu caso, queria poder testar dois amplificadores com a mesma guitarra, ou então utilizar duas entradas independentes no mesmo amplificador sem trocar o cabo no painel.

O projeto começou com uma caixa com alguns furos que já existiam de outros projetos de pedais abandonados. Na verdade a caixa tinha mais furos do que eu precisava, e o que aparentemente seria um problema, foi a solução para colocar mais uma função no pedal: Um boost!

Eu tinha em casa sobrando um boost que comprei a placa e nunca tinha encontrado um projeto legal para colocar. Ficou na gaveta e foi muito útil nessa situação.

A diferença de ganho entre uma Strato e uma Les Paul é gigante, e sempre que mudo de guitarra tenho que alterar o volume no amplificador. Com o boost, compenso o ganho inferior da Strato e posso trocar de guitarra sem mudar nada no amplificador. Já tenho essa função no meu pedalboard com um Ep Boost, mas ter essa função no AB BOX ajuda muito para testar amps e canais com duas guitarras diferentes sem perder tempo com esse pequeno “detalhe”.

Como o furo central já estava feito, não havia espaço na caixa para mais de uma chave de pisar. O acionamento do boost ficou manual, o que não é um problema pois quem tem o trabalho de trocar de guitarra, não custa nada dar um toque na chavinha e acionar o boost. Neste caso ele entra como um circuito para compensar diferenças de ganho, não para empurrar o amp na hora de um solo, por isso ficou assim mesmo.

Os esquemas de ligações do boost e da função de AB BOX utilizei do site Beavis Audio Research

O resultado ficou ótimo e agora consigo brincar com dois amplificadores sem aquela complicação de troca de cabos.

O visual ficou bacana. Os leds indicam qual amplificador ou canal está em uso.

Anúncios