Klon KTR vs Klon Collateral FX

Até hoje a única referência ao Klon Centaur que fiz no blog foi a construção de um buffer deste aclamado pedal. Recentemente tive a oportunidade de ter em mãos um dos maravilhosos clones produzidos pelo Guilherme da Collateral FX, que já ganharam a galera pela grande qualidade de construção e componentes dos pedais da marca.

Pensei em fazer apenas um review, mas surgiu a oportunidade de comparar com o pedal original do qual foi baseada a sua construção.

O diferencial dos pedais da Collateral é que são todos feitos manualmente, com componentes de altíssima qualidade como capacitores Panasonic, Wiva e potenciômetros Alpha e CTS em alguns modelos.

O Klon é um dos pedais mais vendidos, com diversos acabamentos disponíveis. A marca já vendeu mais de 300 pedais Klon.

Além de componentes de alta qualidade, muitos pedais recebem peças NOS, como é o caso do Klon com diodos de clipping.

O Klon alvo deste vídeo comparativo é a reedição KTR.

O pedal foi gentilmente cedido pelo meu amigo Oscar Isaka do blog Louco por guitarra.

Como sempre sou muito bem recebido por lá e ficamos horas batendo papo sobre este vício chamado guitarra!

A nova versão do Klon, também conhecida como KTR, é em SMD e recebe também diodos NOS selecionados. O fabricante garante que o pedal soa exatamente como os anteriores que eram construídos com componentes normais. Não tenho o anterior para testar, mas não duvido da afirmação pois na comparação que fizemos, o da Collateral é feito com componentes normais e os dois apresentaram o mesmo escopo do áudio, sem variações audíveis na EQ.

Para o teste utilizamos uma A/B box para comparar também buffer bypass clássico deste circuito. Soaram exatamente iguais nesta função.

Não preciso dizer que os dois pedais são maravilhosos e soam igualmente muito bem. O Klon KTR com um pouco mais de entrega de ganho e volume, mas os dois apresentaram a mesma qualidade de overdrive. Na metade do vídeo os ajustes foram alterados até que os pedais entregassem o mesmo som. A guitarra utilizada no teste foi uma  Fender Stratocaster em um amplificador nacional Explend EXP-30. Como ouvido e gosto é algo muito particular, deixo aqui o vídeo para apreciação de todos.

Anúncios

2 comentários sobre “Klon KTR vs Klon Collateral FX

  1. Antigamente, dava para se inscrever no blog para acompanhar as atualizações. Pena que hoje em dia não é mais possível (o saudoso Google Reader era uma baita mão na roda), pois gostaria de receber atualizações deste excelente blog. Abraço.

O seu comentário aqui

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s